Secretaria de Agricultura e Abastecimento

Coordenadoria de Defesa Agropecuária
Facebook Twitter Youtube Flickr
27/05/2008

Aftosa: São Paulo retoma status sanitário.

O boletim oficial da Organização Mundial de Saúde Animal (OIE), publicado em seu site nesta terça-feira (27 de maio), restabelece o status sanitário para o Distrito Federal e dez Estados brasileiros – São Paulo, Bahia, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Sergipe e Tocantins.

O próximo desafio paulista é a reconquista dos mercados importadores, que embargam sua carne bovina desde outubro de 2005, quando da suspensão de status de livre de aftosa com vacinação devido à presença da doença em Mato Grosso do Sul e Paraná.

O secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado, João Sampaio, que participa até o dia 30 da 76ª Conferência da OIE, em Paris, afirma que o foco agora é recuperar as exportações, iniciando conversas com os principais países compradores.

São Paulo não registra aftosa há 12 anos e está na última semana da primeira etapa da campanha de vacinação, que começou no dia 1º e segue até 31 de maio. A próxima será em novembro.

Com um rebanho de cerca de 12 milhões de cabeças, o Estado já foi líder das exportações brasileiras de carne bovina in natura. Com os embargos impostos, de acordo com Sampaio, deixou de exportar cerca de US$ 1,5 bilhão. Mesmo assim, é o segundo item na pauta de vendas externas do agronegócio. Em 2007, foram US$ 3,16 bilhões, graças à infra-estrutura frigorífica e logística de transportes. Perde apenas para o setor sucroalcooleiro.

INFORMAÇÕES:

Assessoria de Comunicação - Tel.: 11 5067-0069 - Euzi Dognani/Adriana Rota - www.agricultura.sp.gov.br