Secretaria de Agricultura e Abastecimento

Coordenadoria de Defesa Agropecuária
Facebook Twitter Youtube Flickr
09/03/2009

Centro Apta Citros realiza II Dia do Greening.

09/03/2009 - O II Dia do Greening, promovido pelo Centro de Citricultura do Instituto Agronômico, ligado a Agência Paulista de Tecnologia do Agronegócio – IAC/Apta, órgão da Secretaria de Agricultura e Abastecimento de São Paulo e Fundecitrus – Fundo de Defesa da Citricultura, acontece na próxima sexta-feira, 13 de março. O evento é destinado a produtores, estudantes, pesquisadores e profissionais da área, interessados em obter informações sobre o combate e controle doença e conta com o apoio de profissionais da CDA – Coordenadoria de Defesa Agropecuária, Esalq – Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz e Embrapa, entre outros.

A laranja é o terceiro produto no valor da produção paulista, perde para cana e carne bovina. Gera 400 mil empregos e as exportações de suco da fruta totalizaram US$ 2,16 bilhões em 2008. Mas, o greening atinge todas as variedades e é considerada a pior doença de citros no mundo. “Com inspeções regulares na propriedade, é possível controlar a doença, arrancando as árvores doentes, já que essa é a única forma de combate. A maior participação do citricultor na gestão sanitária do pomar é imprescindível para o controle da doença”, afirma João Sampaio, secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo.

O controle e fiscalização da doença são realizados pela CDA, através de campanhas semestrais. O último relatório, de janeiro de 2009, apresenta um aumento significativo de citricultores que entregam comprovantes de inspeção e erradicação das plantas doentes, atingindo 77,68% do total. Nos relatórios do ano passado, entregues em janeiro e julho, os índices de adesão foram de 62% e 65%, respectivamente.

Para ampliar e consolidar o trabalho de conscientização, a Secretaria promove eventos como o II Dia do Greening, nos quais pode oferecer suporte técnico e tecnológico aos produtores. No encontro da próxima sexta-feira, os citricultores terão oportunidade de discutir com pesquisadores e profissionais de diversas áreas, aspectos que envolvem os avanços das pesquisas sobre a doença, ações dos órgãos fiscalizadores, custos e fatores associados ao sucesso do controle do greening no estado de São Paulo.

SERVIÇO:

II Dia do Greening

Data: 13 de Março de 2009

Horário: das 9:00 às 17:30 horas

Local: (IAC) Centro Apta Citros, Sylvio Moreira – Rodovia Anhanguera, Km, 158 – Cordeirópolis/SP.

INFORMAÇÕES:

Assessoria de Comunicação - Tel: (11) 5067-0069 - Euzi Dognani/Adriana Rota/Nara Guimarães - www.agricultura.sp.gov.br

Programação:

09:00 – 09:40 – Avanços nas pesquisas sobre huanglongbing (greening), Juliana Freitas Astua, Embrapa/Centro de Citricultura Sylvio Moreira. 09:40 – 10:20 – Ações da CDA no controle do huanglongbing (greening), Geysa Pala-Ruiz, Coordenadoria de Defesa Agropecuária, SAA. 10:20 – 10:40 - Intervalo 10:40 – 11:20 – Ações do Fundecitrus no controle do huanglongbing (greening), Cicero Massari, Fundecitrus. 11:20 – 12:00 - Fatores associados ao sucesso no controle do huanglongbing (greening) no Estado de São Paulo: estudos de caso, Antonio Juliano Ayres, Fundecitrus. 12:00 – 12:30 – Debate 12:30 – 14:00 – Almoço 14:00 – 14:40 - Biologia do psilideo Diaphorina citri e transmissão das bactérias associadas ao huanglongbing (greening), João Roberto Spotti Lopes, ESALQ/USP. 14:40 – 15:20 - Controle químico de Diaphorina citri, vetor das bactérias associadas ao huanglongbing (greening), Pedro Yamamoto, Fundecitrus. 15:20 – 15:40 - Intervalo 15:40 – 16:20 - Controle do huanglongbing (greening) nas fazendas do Grupo Branco Peres, Engenheiro Agrônomo Nilton Del Rovere, Grupo Branco Peres. 16:20 – 17:00 – Custo de manejo do huanglongbing (greening), Leandro A. Fukuda, GTAC. 17:00 – 17:30 – Debate