Secretaria de Agricultura e Abastecimento

Coordenadoria de Defesa Agropecuária
Facebook Twitter Youtube Flickr
06/09/2011

Aves: Conferência discute a Laringotraqueíte.

06-09-2011 - A Secretaria de Agricultura e Abastecimento, por sua Coordenadoria de Defesa Agropecuária realiza esta quarta-feira (14/09), em Campinas uma conferência para discutir os métodos de diagnóstico e medidas de profilaxia da Laringotraqueíte Infecciosa (LTI) das aves. A abertura do evento contará com as presenças da secretária Mônika Bergamaschi e do adjunto Alberto José Macedo Filho, além do responsável pela Defesa Agropecuária, Heinz Otto Hellwig.

O evento reunirá os representantes da cadeia produtiva - Associação Paulista de Avicultura (APA), Fundação Apinco de Ciência e Tecnologia Avícolas (Facta), União Brasileira de Avicultura (Ubabef), do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), do Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA), do Comitê Estadual de Sanidade Avícola (Coesa) de São Paulo, assim como médicos veterinários responsáveis técnicos dos estabelecimentos avícolas do estado de São Paulo e da Defesa Agropecuária.

Também colaboram com a conferência os professores Guillermo Zavala e Maricarmen Garcia, da Universidade da Geórgia (Estados Unidos). Eles estarão no estado de São Paulo, de 10 a 16 de setembro em supervisão técnica/científica no programa de controle da LTI no bolsão de Bastos e no município de Guatapará.

A visita dos conferencistas foi viabilizada pelo projeto entre o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), Defesa Agropecuária e o Instituto Biológico, da Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (IB/Apta), órgão da Secretaria. Os pesquisadores visitarão os laboratórios do IB, em Descalvado, Bastos e São Paulo, o Laboratório Nacional Agropecuário (Lanagro/Mapa), em Campinas, e o Laboratório de Ornitopatologia da Universidade de São Paulo (USP).

LTI – A Laringotraqueíte Infecciosa das Aves é uma doença multifatorial que tem no herpesvírus seu agente etiológico, cuja característica epidemiológica de baixa patogenicidade o torna diretamente dependente de fatores predisponentes para seu desencadeamento. A doença no Brasil foi notificada nas granjas do município de Bastos em 2002, fato que levou a Coordenadoria de Defesa Agropecuária a desenvolver e implantar um programa específico para o seu controle. Em 2009 a doença foi novamente detectada em poedeiras comerciais da região de Guatapará.

PROGRAMAÇÃO:

14h - Abertura

14h30 - Situação da LTI no Brasil – Dr. Bruno Rebelo Pessamilio/PNSA-DSA-MAPA

15h - Situação da LTI em São Paulo – Dr. Fernando G. Buchala/CDA-SAA-SP

15h20 - Situação da LTI em Minas Gerais – Dr. Sérgio L. L. Monteiro/IMA-MG

15h40 - Métodos de Diagnóstico da LTI disponíveis na rede LANAGRO e nos laboratórios credenciados – Dra. Dilmara Reischak /Lanagro-Campinas

16h10 - Coffee Break

16h30 - Métodos de Diagnóstico da LTI – Dra. Maricarmen Garcia - PDRC/UGA/USA

17h - Medidas de Profilaxia da LTI – Dr. Guillermo Zavala – PDRC/UGA/USA

17h30 - Debate

18h - Encerramento

SERVIÇO:

Conferência “Métodos de diagnóstico e medidas de profilaxia da Laringotraqueíte Infecciosa (LTI) das aves”.

Dia: 14 de Setembro

Horário: 14 horas

Local: Auditório da CATI - Av. Brasil, 2.340 - Jardim Chapadão, Campinas – SP.

CONTATO:

Assessoria de Imprensa/Defesa Agropecuária - 19 – 3045-3350 – Teresa Paranhos

Assessoria de Comunicação/Secretaria - Tel.: 11 - 5067-0069 - Adriana Rota/Nara Guimarães

Acompanhe a Secretaria:

www.agricultura.sp.gov.br

www.agriculturasp.blogspot.com

www.twitter.com/agriculturasp

www.flickr.com/agriculturasp

www.youtube.com.br/agriculturasp

www.facebook.com

www.delicious.com/agriculturasp

www.orkut.com.br

www.slideshare.net/agriculturasp