Secretaria de Agricultura e Abastecimento

Coordenadoria de Defesa Agropecuária
Facebook Twitter Youtube Flickr
18/08/2011

Greening: 91,82% dos citricultores entregam o relatório dentro do prazo em SP.

18-08-2011 - Com um total de 19.166 propriedades com citros no estado de São Paulo, 91,82% entregaram, dentro do prazo (até 15 de julho), o relatório referente às inspeções e eliminações de plantas com greening realizadas durante o primeiro semestre de 2011. Pelos dados que foram apresentados pelos citricultores à Coordenadoria de Defesa Agropecuária, órgão da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado, 240 milhões de plantas foram inspecionadas e 2,24 milhões foram erradicadas devido à presença da doença.

A entrega do relatório foi facilitada, pois todo o procedimento pôde ser realizado via internet através do site da defesa (www.cda.sp.gov.br). Segundo Ligia Martucci, diretora da Defesa Sanitária Vegetal, “também facilitou o fato dos dados informados nos semestres anteriores permanecem no sistema. O citricultor pode recorrer às unidades de atendimento da defesa agropecuária e às cooperativas e sindicatos rurais dos municípios”.

Aqueles que não entregaram seus relatórios até o dia 15 de junho estão sendo checados pelas equipes da Defesa Agropecuária para verificar se saíram da atividade ou, em caso negativo, terão de prestar esclarecimentos e ficam sujeitos a multas que variam de 100 a 500 unidades fiscais do estado de São Paulo (Ufesps). O valor de cada unidade é de R$ 17,45.

Para cumprir a legislação o proprietário, arrendatário ou ocupante a qualquer título, deve realizar no mínimo uma inspeção trimestral e relatá-las a cada semestre ao órgão oficial de defesa agropecuária por meio de relatório. Mesmo que não sejam encontradas plantas com sintomas, o relatório deve ser entregue, pois é de comunicação obrigatória, informa Ligia. Dados atualizados mostram que 98,79 % do total de propriedades já procuraram a Defesa Agropecuária para regularizar a situação.

A exigência da entrega do relatório de inspeções atende à Instrução Normativa n.º 53, do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento e à Portaria CDA-04, de 12 de março de 2009, da Coordenadoria de Defesa Agropecuária.

INFORMAÇÕES

Assessoria de Imprensa da Defesa Agropecuária SP - 19 - 3045-3350 – Teresa Paranhos.