Secretaria de Agricultura e Abastecimento

Coordenadoria de Defesa Agropecuária
Facebook Twitter Youtube Flickr
21/12/2015

Secretaria aumenta para R$ 4,4 milhões recursos para ações de sanidade avícola no Estado

A Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo e a Associação Paulista de Avicultura (APA) continuarão alertas à sanidade avícola nos planteis paulistas. Para isso, renovaram, por mais 12 meses, convênio que prevê ações de sanidade animal, realizadas por meio da Coordenadoria de Defesa Agropecuária da Pasta. A renovação traz ainda o acréscimo de recursos na ordem de R$ 2.495.000,00 ao montante de R$ 1.996.000,00, totalizando R$ 4.491.000,00.

O documento foi assinado pelo secretário Arnaldo Jardim e pelo presidente da APA, Érico Pozzer, no I Encontro das Cadeias Produtivas, realizado pela Secretaria no Palácio dos Bandeirantes, no dia 15 de dezembro de 2015. Ele atualiza e dá prosseguimento à parceria entre a Associação e o Governo do Estado na prevenção de doenças como a Influenza Aviária, que caso diagnosticada nos planteis paulistas pode causar prejuízos bilionários. Em 2014, de acordo com o Instituto de Economia Agrícola (IEA) da Secretaria, a avicultura paulista foi responsável por R$1,5 bilhão em exportações.

“O governador Geraldo Alckmin soube compreender o papel da avicultura paulista e deu passos importantes para o setor neste ano. Se este já é um papel absolutamente relevante, será ainda mais crescente. Todos nós temos certeza disso quando pensamos no que significa o nosso País do ponto de vista da proteína animal”, ressaltou Arnaldo Jardim.

Dentre as ações previstas no convênio está o auxílio na execução das atividades do Programa Estadual de Sanidade Avícola, na elaboração e distribuição de materiais técnicos, na captura e monitoramento sorológico de aves migratórias, no registro dos estabelecimentos avícolas comerciais, no monitoramento de salmoneloses e microplasmoses e colaborar nos treinamentos e capacitações profissionais de médicos veterinários em sanidade avícola dos setores público e privado. Além disso, promover a educação sanitária por meio de palestras e cursos para produtores, técnicos e profissionais da área.

Meta cumprida com os seminários sobre prevenção da Influenza realizados em 2015 em cidades como Bastos, Campinas, Votuporanga, Boituva, Orlândia, Registro e Campinas. Além de trabalho conjunto entre APA e Defesa Agropecuária na fiscalização. “Nós temos hoje em torno de 11 veterinários que a Associação disponibiliza para o setor público para trabalhar com sanidade, monitoramento sanitário, certificação sanitária. É uma associação com quem temos desde 2006 convênios e trabalhos em conjunto”, explicou Fernando Gomes Buchala, titular da Defesa.

“Para 2016 continua a mesma orientação para o setor. A Associação, junto com os órgãos de Defesa, continua reforçando que não se deve descuidar com sanidade, para manter o mais rígido possível os controles de biosseguridade, justamente para não termos surpresa”, atentou Érico Pozzer. De acordo com ele, o consumo anual paulista por pessoa é de 60 quilos de frango e 190 ovos.

Por Hélio Filho

Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo

Assessoria de Imprensa

Telefone: (11) 5067-0069