Secretaria de Agricultura e Abastecimento

Coordenadoria de Defesa Agropecuária
Facebook Twitter Youtube Flickr
21/10/2015

Suinocultura em Transformação é tema de congresso em Campinas.

Segue até sexta-feira, 23/10, o 17º Congresso da Abraves, evento bianual e oficial da suinocultura brasileira, que após 24 anos escolheu São Paulo para sediá-lo. É promovido pela Associação Brasileira de Veterinários Especialistas em Suínos e está sendo realizado no Centro de Convenções e Exposições Expo Dom Pedro em Campinas-SP.

De acordo com a comissão organizadora, o Congresso Abraves reúne profissionais do setor com o objetivo de levar informações técnico-científicas relacionadas às mais diferentes especialidades da suinocultura. Tem o compromisso de deixar a suinocultura mais fortalecida tanto técnica quanto qualitativamente e proporcionar trocas de experiências e informações.

Durante a cerimônia de abertura realizada na noite de ontem 20/10, Godofredo Miltenburg, presidente da Abraves São Paulo disse que o evento pretende debater as tecnologias que surgiram nos últimos anos por profissionais do Brasil e de vários outros países olhando para o futuro do setor. “nós acreditamos que temas como bem estar-animal e gestão ambiental e seus impactos positivos na saúde dos animais determinarão as decisões tomadas pela suinocultura no futuro, não só em função das crescentes pressões do consumidor, como também porque será decisiva a rentabilidade do campo com o surgimento de novas tecnologias, com novos animais de genética super melhorada, acompanhadas de evoluções de nutrição e sanidade”.

Lauren Ventura, presidente nacional da Abraves, elogiou a escolha do tema do congresso - Suinocultura em Transformação – e destacou que o evento é o fórum especial para buscar soluções. “A suinocultura brasileira moderna e competitiva demanda por conhecimento técnico científico aplicado e por fóruns de discussões que sejam capazes de gerar soluções voltadas para seus próprios problemas onde a base seja a ciência e o norte a realidade”, disse Lauren.

O coordenador da Defesa Agropecuária, Fernando Gomes Buchala, que representou o secretário Arnaldo Jardim, destacou que no estado de São Paulo a Secretaria de Agricultura e Abastecimento esta atenta às questões voltadas à sanidade animal e a segurança alimentar. Disse que há muitos desafios e somente com a capacitação dos médicos veterinários, que representam a cadeia produtiva e o envolvimento destes profissionais junto às entidades reguladoras que será construído um modelo que possa levar à sustentação dos negócios. “Temos hoje as questões do bem-estar animal, dos dejetos, resíduos, questões ambientais, uma nova percepção por parte dos consumidores, uma agricultura familiar em desenvolvimento. Temos que estar atentos as novas regulamentações das inspeções federal e estaduais e mudar alguns modelos existentes. O Ministério já sinalizou mudança em algumas diretrizes da inspeção federal e os Estados estão procurando adequar suas estruturas para atendê-las”.

Por Teresa Paranhos

Outras informações

Assessoria de Comunicação

Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo

Coordenadoria de Defesa Agropecuária

(19) 3045.3350