Secretaria de Agricultura e Abastecimento

Coordenadoria de Defesa Agropecuária
Facebook Twitter Youtube Flickr
16/11/2016

Defesa e Extensão levam informações técnicas na 1ª Festa do Produtor Rural em Parelheiros

A Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, por meio dos Escritórios de Defesa Agropecuária (EDA) e de Desenvolvimento Rural (EDR) de São Paulo, mantidos pelas Coordenadorias de Defesa Agropecuária e de Assistência Técnica Integral (Cati), respectivamente, participaram da 1° Festa do Produtor Rural, realizada nos dias 5 e 6 de novembro de 2016, no Parque Nascente do Ribeirão Colônia no distrito de Parelheiros, capital paulista.

Durante o evento, a Coordenadoria de Defesa Agropecuária buscou intensificar o cadastro de produtores junto ao sistema informatizado Gestão Estadual de Defesa Animal e Vegetal (Gedave), tanto da área animal como vegetal, uma vez que na região tem muitos criadores de bovinos, equídeos e outras espécies.

“Estamos atendendo o produtor que visita a festa, demonstrando a importância de usar correto do equipamento de proteção individual (EPI), orientando sobre a tríplice lavagem das embalagens de defensivos químicos e sobre a raiva dos herbívoros, e reforçando a campanha de vacinação contra a febre aftosa que está sendo realizada durante o mês de novembro”, disse a médica veterinária Maria Carolina Guido, do EDA de São Paulo.

A participação da extensão rural de São Paulo teve foco no atendimento ao produtor rural, principalmente sobre o crédito rural e a disponibilização de publicações técnicas sobre diversas culturas de interesse do produtor e sobre o trabalho desenvolvido no Estado pela extensão rural.

O engenheiro agrônomo Daniel Bruno Belutti destacou que “a região tem uma agricultura convencional organizada que está crescendo e a agricultura orgânica que vem ganhando destaque e despertando o interesse de mais produtores”.

Foi justamente o que Vera Lúcia dos Santos, moradora da região foi buscar no evento. A produtora rural tem a intenção de produzir em horta orgânica e trabalhar sempre em prol dos alimentos orgânicos. “Já estamos começando o preparo do solo e logo no início do ano vamos fazer o plantio para começar a ter produção para o consumo e quem sabe comercializar também’, disse.

A região tem mais de 400 agricultores familiares e associações de produtores. Por isso, o plano diretor da cidade regulamentou a área como zona rural. Localizado em plena metrópole, o Distrito de Parelheiros está situado em área de proteção aos mananciais e a região compreende remanescentes importantes de Mata Atlântica, mantendo grande parte de sua mata nativa, como biodiversidade preservada e área de grande produção agrícola, sendo estratégico para a vida da cidade de São Paulo.

A região reúne belas paisagens e diversas atrações de lazer como cachoeiras, trilhas, aldeias indígenas, pesqueiros, festivais gastronômicos, monumentos e atividades tradicionais das colônias alemãs e japonesas que ali se instalaram.

“Estamos falando de geração de empregos, renda e educação com a preservação ambiental, da qual dependem todas as metrópoles. Esse trabalho é uma determinação do governador Geraldo Alckmin para gerar oportunidades econômicas e melhorar as condições de vida da população”, disse o secretário de Agricultura, Arnaldo Jardim.

Para o subprefeito de Parelheiros, Milton de Oliveira, as combinações da defesa agropecuária com a extensão rural são importantes para ajudar fazer políticas públicas para desenvolver a questão da agricultura que, “se bem-feita e de maneira correta, é uma ferramenta que ajudar a preservar o ambiente na região”, explicou.

A Festa do Produtor Rural faz parte das comemorações do 15° aniversário da Área de Proteção Ambiental (APA) “Capivari Monos” e do 10° aniversário da APA “Bororé Colônia”, realizadas para mobilizar e sensibilizar a comunidade sobre a preservação e a conservação ambiental na região do extremo sul da capital.

Por Teresa Paranhos

Secretaria de Agricultura e Abastecimento

Coordenadoria de Defesa Agropecuária

Assessoria Imprensa

Telefone: (19) 3045.3350