Secretaria de Agricultura e Abastecimento

Coordenadoria de Defesa Agropecuária
Facebook Twitter Youtube Flickr
20/04/2018

Mormo é tema de treinamento em Presidente Prudente nos dias 23 e 24 de abril

Nos dias 23 e 24 de Abril, tem início em Presidente Prudente - SP, na Universidade do Oeste Paulista - UNOESTE (Campus II), o 1º Treinamento para habilitação de médicos veterinários para colheita e envio de amostras para diagnóstico laboratorial de mormo no estado de São Paulo.

A Coordenadoria de Defesa Agropecuária realizará esse 1º treinamento em 11 etapas, localizadas em 6 municípios dentro do Estado. “O objetivo é ao final dessa rodada de treinamento, termos alcançado 2300 médicos veterinários da iniciativa privada treinados e aptos a dar início ao processo de habilitação para colheita do material”, disse a médica veterinária Fernanda Magrinho, da Secretaria de Agricultura e Abastecimento, que atua junto à Coordenadoria.

Ao mesmo tempo, a Defesa Agropecuária promoverá o treinamento do serviço veterinário oficial, nos dias 24 e 25 de abril (UNOESTE - Presidente Prudente), 10 e 11 de maio (EDA de São José do Rio Preto) e 22 e 23 de maio (UNISO - Sorocaba). Ao final desse treinamento espera-se que cerca de 90 servidores, entre médicos veterinários e técnicos agropecuários de apoio estejam treinados para atender a demanda referente à adequação do estado de São Paulo à Instrução Normativa nº 06, de 16 de Janeiro de 2018.

Inscrições devem ser feitas através do endereço www.defesa.agricultura.sp.gov.br

A doença Mormo

O mormo acomete os equídeos (cavalos, asininos e muares) por meio da bactéria Burkholderia mallei, que tem potencial zoonótico (pode ser transmitido a seres humanos), e para a qual não há cura nem prevenção por vacinas.

Por Teresa Paranhos

Secretaria de Agricultura e Abastecimento

Coordenadoria de Defesa Agropecuária

Telefone: (19) 3045.3447