Facebook Twitter Youtube Flickr
27/04/2021

Fórum Paulista de Febre Aftosa sobre a retirada da vacinação no estado de São Paulo será realizado dia 29 de abril

A realização do Fórum Paulista de Febre Aftosa - Retirada da vacinação no estado de São Paulo irá reunir no dia 29 de abril de 2021, das 14 horas às 17h30m o setor produtivo agropecuário, os produtores rurais e aos profissionais envolvidos na atividade no estado de São Paulo com o objetivo de estabelecer o diálogo com o setor pecuário para nivelar o conhecimento de todos os elos da cadeia produtiva das espécies susceptíveis à febre aftosa do estado de São Paulo com relação ao Plano Nacional de Erradicação e Prevenção da Febre Aftosa. O evento que será on line é aberto à participação de interessados de outros Estados.

As inscrições podem ser feiras até às 15h30m do dia 29 de abril através do endereço: https://sistemasweb.agricultura.gov.br/avaenagro/mod/page/view.php?id=1715

Para Luiz Henrique Barrochelo, coordenador da Coordenadoria de Defesa Agropecuária, órgão da Secretaria de Agricultura e Abastecimento executor das ações sanitárias no Estado, “é um importante momento para a pecuária paulista e uma excelente oportunidade para os envolvidos conhecerem as estratégias que serão adotadas para implantação do status livre sem vacinação e as implicações advindas do pleito requerido, pois a suspensão da vacinação contra a febre aftosa implica na adoção de diversas ações a serem desenvolvidas em âmbito municipal, estadual e nacional, com o envolvimento do serviço veterinário oficial, setor privado, produtores rurais e agentes políticos. Uma das medidas indispensáveis para garantir a detecção precoce de possível reingresso do vírus é a vigilância ativa, tanto do serviço veterinário oficial, responsáveis técnicos e produtores, de forma a minimizar possíveis riscos de reintrodução da doença e manter o status, e com isso a credibilidade nos produtos do agronegócio de São Paulo.”

Programação:

14h00 – Abertura

14h30 – Palestra I – O que muda com a retirada de vacinação – Dr. Gabriel Adrian Sanches Torres – Auditor fiscal federal agropecuário - Mapa

15h15 – Palestra II – Notificação de suspeita de febre aftosa – Dr. Hugo Leonardo Riani Costa – Médico veterinário da Coordenadoria de Defesa Agropecuária – Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo

16h00 – Perguntas

16h20 – Palestra III – Os benefícios da retirada da vacinação contra febre aftosa – Dr. Wander Bastos, coordenador da Comissão Técnica Bovinocultura de Leite da Faesp e Dr. Cyro Penna Júnior, coordenador da Comissão Técnica de Bovinocultura de Corte da Faesp

17h00 – Perguntas e encerramento

Febre Aftosa

A febre aftosa é uma doença infecciosa aguda considerada a doença com maior interferência no comércio internacional de carnes em função da elevada capacidade de difusão. Desde início do século passado, é uma das maiores preocupações da pecuária nacional.

O último foco de febre aftosa registrado no estado de São Paulo ocorreu em março de 1996. O Estado é reconhecido pela OIE como livre de febre aftosa com vacinação desde 2000. A OIE reconheceu todo o território nacional como área livre de Febre Aftosa em 2018 e agora o país busca agora a suspensão da vacinação em todo seu território.

O Fórum Paulista de Febre Aftosa - Retirada da vacinação no estado de São Paulo é organizado pela Escola Nacional de Gestão Agropecuária (Enagro), vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, com o apoio da Comissão de Educação Sanitária de São Paulo (CESSP) e Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de São Paulo (Faesp).

Por Teresa Paranhos