Secretaria de Agricultura e Abastecimento

Coordenadoria de Defesa Agropecuária
Facebook Twitter Youtube Flickr
19/12/2014

AVISO DE PAUTA: Cerimônia de entrega das obras de reforma da EDA Araraquara será realizada segunda-feira (22/12).

19-12-2014 - Com a presença secretária de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, Mônika Bergamaschi e o coordenador da Defesa Agropecuária, Heinz Otto Hellwig e demais autoridades, será realizada na próxima segunda-feira (22/12), às 10 horas, a cerimônia de entrega das obras de reforma, adequação e acessibilidade do prédio que abriga o Escritório de Defesa Agropecuária e o Escritório de Desenvolvimento Rural de Araraquara.

Atividades do Escritório de Defesa Agropecuária de Araraquara

O Escritório de Defesa Agropecuária (EDA) de Araraquara, regional da Coordenadoria de Defesa Agropecuária, está situado na região Central do Estado. Abrange 16 municípios, sendo estes, Américo Brasiliense, Araraquara, Boa Esperança do Sul, Descalvado, Dourado, Gavião Peixoto, Ibaté, Matão, Motuca, Nova Europa, Ribeirão Bonito, Rincão, Santa Lúcia, São Carlos, Tabatinga e Trabiju. Juntos somam uma área de 6.736,933 km² e uma população de 740.414 habitantes. O Escritório de Defesa Agropecuária de Araraquara possui duas Inspetorias de Defesa Agropecuária, localizadas em São Carlos e Matão e quatro Unidades de Defesa Agropecuária, localizadas em Descalvado, Boa Esperança do Sul, Rincão e Tabatinga.

Sanidade Animal

Cabe ao EDA de Araraquara a fiscalização de expressiva bacia leiteira; de 450 granjas de avicultura de corte e 40 granjas de material genético (a atuação de 05 empresas integradoras favorece este volume); de 40 granjas de suínos de corte de 01 granja de material genético; de 14 revendas de insumos veterinários, que possuem cadastro junto à Defesa; de cerca de 2.100 propriedades rurais, produtoras de bovinos e/ ou bubalinos na ordem de 126.000 cabeças; de 11 estabelecimentos cadastrados no Serviço de Inspeção de São Paulo (SISP), sendo, 01 abatedouro de bovinos, 01 abatedouro suíno, 03 laticínios, 02 apiários, 03 entrepostos de carnes e derivados e 01 fábrica de conservas de ovos.

Ainda, no controle de erradicação de brucelose e tuberculose bovina, são monitorados 50 médicos veterinários cadastrados para vacinar bezerras contra brucelose e 12 profissionais habilitados para examinar rebanhos contra ambas as doenças, por serem zoonoses e apresentar risco a saúde humana. Em Araraquara se encontra 01 laboratório que emite atestado para a Anemia Infecciosa Equina (AIE) e, no âmbito da regional, um grande número de haras e eventos de provas equestres.

Na última etapa da campanha de vacinação contra a febre aftosa (novembro 2014), o índice de vacinação alcançou 96% do rebanho (consulta feita em 16/12/2014). Em 2013 foram realizados 118 eventos de concentração de animais, autorizados pelo EDA de Araraquara, com a movimentação de 17.000 animais.

O EDA de Araraquara possui 04 propriedades certificadas como livres de brucelose e tuberculose, sendo o EDA de Araraquara protagonista no processo de certificação. Destaca-se no controle da raiva dos herbívoros, por possuir equipe própria, composta por 01 médico veterinário e 03 técnicos de apoio agropecuário, que, além de atender a demanda regional, dá suporte ao órgão central e outros EDA, no controle de morcegos hematófogos.

Realiza o atendimento ao público com orientações, palestras e emissão de GTA de bovinos e bubalino, aves, equídeos suídeos, ovinos e animais exóticos. Atualmente, 58% dos lançamentos da regional, de bovinos e bubalinos, no que diz respeito a declarações de vacina e emissão de GTA é realizada pelo próprio usuário externo, através do acesso ao Sistema GEDAVE pela internet, o qual foi orientado/treinado pelo Escritório.

Sanidade Vegetal

Cabe ao EDA de Araraquara a fiscalização de cerca de mil propriedades com citros que totalizam 16 milhões de plantas. As atividades inerentes ao controle do cancro cítrico e do Huanglongbing (HLB - greening) na região, possibilitou o controle satisfatório destas doenças permitindo que esta cultura permaneça estabelecida nesta regional. O EDA de Araraquara ainda é responsável pela fiscalização de 04 unidades de consolidação de frutas e 01 unidade de consolidação de sementes. Dentre as atividades realizadas em unidades de consolidação viabiliza a exportação de expressiva quantidade de citros para a Comunidade Européia e a reexportação de sementes para diversos países. Também é responsável pela fiscalização de 08 viveiros de produção de mudas de citros, 04 viveiros de produção de borbulhas de citros e 01 viveiro de produção de mudas de seringueira; de 22 revendas de agrotóxicos; de 01 unidade de recebimento de embalagens vazias (UREV); de 01 grande armazém de agrotóxico; pela fiscalização quanto ao uso de agrotóxicos em propriedades rurais de sua regional; a fiscalização de atividades de 20 profissionais habilitados para certificação de partidas de origem vegetal.

No ano de 2014, atendeu a 16 demandas de fiscalização em conservação do solo, sendo, a maior parte delas demandadas pelo Ministério Público e, as atividades realizadas a contento. Além disso, realiza a emissão de documentos fitossanitários necessários ao trânsito de partidas certificadas de plantas e suas partes.

O bom relacionamento que o EDA de Araraquara, como Secretaria da Agricultura e Abastecimento, mantém com outras secretarias estaduais tem proporcionado a realização da fiscalização do trânsito de produtos de origem vegetal, animal e de cargas vivas (Secretaria de Segurança Pública e Secretaria de Logística e Transporte) e de fiscalizações conjuntas (Secretaria do Meio Ambiente).

SERVIÇO:

Cerimônia de entrega das obras da EDA de Araraquara.

Dia: 22 de dezembro de 2014.

Hora: 10 horas

Local: Rua 13 de Maio, 13-52 – Vila Xavier, Araraquara – SP.

Informações no EDA pelo telefone 16 – 3333.1073, com o diretor técnico, engenheiro agrônomo Luciano de Aquino Melo.

Assessoria de Imprensa | Defesa Agropecuária | Teresa Paranhos